Ateísmo é algo assustador

Reflexão

Em minhas viagens pela internet, às vezes encontro temas bem interessantes. Uns pouco discutidos e outros viralizados. Dias atrás, me deparei com o ATEÍSMO e confesso que fiquei bastante impressionado com depoimentos de pessoas consideradas geniais que não acreditam em DEUS. Como assim? Respeito as opiniões, não entro em debate, mas na minha cabeça isso é inadmissível. Talvez porque sempre fui consciente de que nada neste mundo acontece sem a Sua permissão e o universo é a Sua obra. Os nossos caminhos, os exemplos que assistimos a todo instante trazem a Sua assinatura.
Mas, vejam, por exemplo, o que disse JOSÉ SARAMAGO: “Não sou um ATEU total. Todos os dias tento encontrar um sinal de DEUS, mas não encontro.” Não é de arrepiar? Mas, tem a contrapartida de CHESTERTON: “O PIOR PENSAMENTO DE UM ATEU É QUANDO ELE ESTÁ GRATO, MAS NÃO TEM A QUEM AGRADECER.” E fui me aprofundando no tema e sem capacidade de encontrar respostas de como alguém que chega a este mundo maravilhoso, ganha direito ao maior presente que é a VIDA, se distancia e ignora DEUS? Seria admissível se fossem pessoas que só tiveram momentos de tristeza, lidando com doenças incuráveis ou lutando contra a miséria, vivendo nas ruas. Eu disse ADMISSÍVEL, e não que concordo!
Mas, pessoas que ganharam notoriedade vivem num padrão acima da média, conquistaram reconhecimento em suas atividades, e confesso que interpreto isso como grande INGRATIDÃO. É realmente um tema para longas discussões, o que não é a minha praia. Prefiro embarcar na reflexão de VOLTAIRE: “UM POUCO DE FILOSOFIA LEVA AO ATEÍSMO, A PROFUNDA FILOSOFIA FAZ O HOMEM RETORNAR À RELIGIÃO!”  Espero que em tempo.

COMPARTILHE:
Faça seu login e comente essa matéria