CLASS

 


   
  Esqueci minha senha | Ainda não sou assinante    

CLASS/TURISMO

DESTINO SP

A Terra da Garoa vê no futuro a perda desse título com a es­cassez cada vez maior da fina chuva invadindo a paisagem paulistana por questões ligadas ao próprio crescimento ur­bano. Mas, não faltarão qualificações para a capital mais efervescente do Brasil; hoje, com mais de 12 milhões de ha­bitantes, que atrai gente de todas as partes para fixar residên­cia, fazer negócios e turistar.
SÃO PAULO é a representatividade da diversidade do nosso país, o que a torna super atraente e um ótimo destino sempre, para qualquer idade ou tribo. Numa circulada por lá nas férias de julho, vimos pulsar tudo isso: museus lotados, novas ex­posições, musicais com bilheterias esgotadas, shows, peças, restaurantes com gastronomia de todas as partes do mundo e do Brasil, zoológico com fila quilométrica, parques cheios de gente; mas tudo funciona, mesmo levando mais tempo, com um resultado que apenas dependerá do seu gosto.
E não é preciso esperar as próximas férias para colocar o pé no jato e desfrutar da capital paulistana. Lá, tudo acontece a todo tempo e está cheio de atrações para sua FAMILY TRIP, incluindo os pequenos.
O MUSEU CATAVENTO encanta qualquer um, de qualquer idade, que se interesse pelas ciências e tecnologias. Está dividido em qua­tro seções: Universo, Vida, Engenho e Sociedade. Os temas são apre­sentados com riquezas de detalhes e de forma lúdica, em ambientes de aprendizado interativos e informais. Além do exposto, existem as oficinas (Aventura no Sistema Solar – Nave Espacial, Viagem ao Fundo Mar – Submarino, Laboratório de Química, Nanotecnologia, Dinos do Brasil, etc) super legais, que requerem senha e na época das férias estão restritas a duas por pessoa.
Vale muito a pena a visita e, pelo menos em períodos de férias, você deve dedicar toda uma tarde a ele. O Catavento fica no Palácio das Indústrias, que já encanta pela arquitetura com predominância do estilo eclético modernista, na avenida Mercúrio, s/n – Parque Dom Pedro II, Brás. Fica aberto de terça a domingo (com gratuidade de ingressos às terças), com entrada das 9h às 16h, permanência no museu até às 17h e ingresso a R$ 10, o inteiro.
O MUSEU DO FUTEBOL surpreende até os nem tão apaixonados pelo esporte. Bem-montado, com recursos modernos que aumentam a sua interatividade, ele apresenta muito além da história do fu­tebol nacional e mundial; com seus fatos mais re-levantes, como as Copas do Mundo (com dados até da Copa da Rússia). Faz uma relação importante do esporte com a arte, a evolução da sociedade e seus hábitos, o impacto na vida das pessoas; não só daqueles que o praticam como profissão. A ele, dedique de uma a duas horas e meia. O espaço fica dentro do estádio Pacaembu, na Praça Charles Miller, funciona de terça (dia de gratuidade do ingresso) a sexta-feira, das 9h às 16h (com per­manência até as 17h) e sábados, domingos e fe­riados das 10h às 17h (com permanência até as 18h), podendo variar em dias de jogos no estádio. O ingresso custa R$ 12, o inteiro.
Ao contrário do que a maioria pensa, a JAPAN HOUSE não é dedicada à história antiga do Japão. Iniciativa internacional do Governo Ja­ponês, a ideia é mostrar uma visão moderna do País para o mundo – e hoje está em São Paulo (primeira do mundo, inaugurada em maio de 2017), Londres e Los Angeles.
Na da Avenida Paulista, o primeiro impacto vem com a fachada – que tem 630 peças de madeira hinoki (pinheiro típico do Japão), en­caixadas por cinco artesãos vindo diretamente do Japão, mescladas com cobogós. Os detalhes da arquitetura são muitos e a decoração é mi-nimalista, com destaque para a massa de papel artesanal que cobre os forros e divisórias, dan­do um efeito belíssimo, parecido com couro de peixe. Abriga exposições sempre renovadas (até dia 30/09, você conferi a “Aromas e Sabores”, que propõe uma imersão na cultura japone­sa através dos cheiros e gostos), seminários e workshops; o restaurante Junji Sakamoto, do renomado chef Jun Sakamoto; biblioteca e lo­jas. Tem entrada gratuita e funciona de terça a sábado, das 10h às 22h, e domingo das 10h às 18h. O restaurante tem horários específicos.
O PARQUE DA MÔNICA é uma boa opção para crianças de até nove anos, com direito a divertimento dos pais juntos com os filhos. A estrutura é super organizada, tudo muito conservado e limpo, e com atrações que fazem a felicidade da galerinha, sendo as mais concorridas a Montanha-Russa do Astronauta e o Horacic Park; principalmente daqueles que gostam da Turminha. O espaço abre às 11 e fecha às 18, fica dentro do Shopping SP Market (você pode sair, an­dar pelo shopping, comer, e voltar para o parque) e para saber os dias de funcionamento e mais detalhes acesse parquedamonica.com.br.
Já o festejado KIDZANIA, que fica no Shopping Eldorado e propõe às crianças uma vivência de algumas profissões, pelo menos em época de férias, que eles dividem o tempo de funcionamento em quatro sessões, sendo que entre elas o espaço fica lotado por dois turnos durante duas horas (metade do tempo de cada turno), a logística é muito ruim. Em atrações mais concorridas, como a dos Bombeiros, a criança chega a ficar uma hora e meia na fila. Os pais são meros expectadores e pagam ingresso também. E mal têm lu­gar para ficarem sentados. Informações no site saopaulo.kidzania.com/pt-br.
O ZOOLÓGICO DE SP, considerado um dos 10 melhores do mundo, e o AQUÁRIO DE SP são excelentes des­tinos para quem curte animais; o pri­meiro, para muitas horas, incluindo as atrações extras, e o segundo para umas duas horas de visitação, em média. O ingresso inteiro do zoológi­co é R$ 36, sem os extras (tipo o Zoo Safari, que vale a pena) comprados separadamente. Abre às 9h e fecha às 17h, com filas quilométricas no final de semana, mas que fluem rápido e a su­perlotação não atrapalha a visitação. O do aquário custa R$ 90 (adulto) e R$ 60 (crianças), com promoções em alguns dias, e sem extras (como o Aquário Abaixo de Zero, que não indico). Fun­ciona de segunda a domingo, de 9h às 19h. Maiores informações nos respec­tivos sites – zoologico.com.br e aquari­odesaopaulo.com.br.
Os espetáculos teatrais são muitos, das pequenas às superproduções. Fomos assistir ao musical “O MÁGICO DE OZ”, no Teatro Bradesco, e fi­camos extasiados. Linguagem atual, interatividade com o público, belos recursos multimídia, efeitos especiais – trabalhando também o olfato – para contar a história de Dorothy. Um show! E para quem quiser curtir o feriado de outubro em Sampa, estreará na época o musical “BRANCA DE NEVE”, com os mesmos produtores, e em janeiro de 2019 “CINDERELA”. No site teatrobradesco.com.br você encontra toda a programação, além de shows, espetáculos de balé etc.
Para os apaixonados por música clássica, dia 30 de setembro, às 19h, tem ANDREA BOCELLI no Allianz Parque; que fica ao lado do Bourbon Shop­ping, local do Teatro Bradesco. Ingressos no ingressorapido.com.br. E dia 02 de agosto estreou a nova temporada de “O FANTASMA DA ÓPERA”, no Teatro Renault, com o tenor Thiago Arancan, que fica em cartaz até 16 de dezembro. Ingressos em ticketsforfun.com.br.
Restaurantes maravilhosos, como os do EATALY, domingo curtindo a Paulista ou o Ibirapuera. São Paulo jamais poderia ser descrita numa matéria. Então, antes de partir, faça seu roteiro, consulte sites – existem muitos especializados na capital, com um olhar muito interessante, como o saopaulosemmesmice.com.br, e se jogue. Com certeza, você não se arrependerá.



« VOLTAR

Deixe seu comentário