CLASS

 


   
  Esqueci minha senha | Ainda não sou assinante    

CLASS/MATéRIA

HAPPY DAY

Um dos grandes prazeres da vida é compartilhar com amigos a alegria de viver. Neste mundo confuso, onde as pessoas insistem em com­petir, em proclamarem-se MAIORES e MELHORES, bom mesmo é desnudar a alma, sorrir e dividir momentos marcantes com pessoas que amamos de fato.
E é isso que fazemos uma vez por ano, aproveitando a data de nossos aniversári­os (meu e de Eliza), para retribuirmos o carinho, a atenção e o prestígio que nos atribuem durante o ano inteiro investindo na CLASS ou incentivando o nosso trabalho com a participação nos eventos da revista.
A DÉCOR BY DOMINGUES – Cada dia fico mais satisfeito com o trabalho de CÁSSIO DOMINGUES, da Maison Rosée. Todos os nossos projetos de decoração são valorizados pelo seu talento inegável. Quan­do chegamos da Europa na véspera do even­to, ele estava atordoado porque tínhamos um projeto que teve de ser alterado devido à greve dos caminhoneiros; que estava no auge. Pois ele recorreu ao seu próprio sítio, colheu folhagens, frutas (carambolas e romãs), e usando os tons pré-estabelecidos por mim, do amarelo gema ao laranja, transformou os salões do Centro de Convenções de Vila Velha num espetáculo à parte.
Arranjos maravilhosos, adornados com borboletas e pássaros, encantaram a todos. Para ser sincero, as fotos não mostram tudo o que foi. Cada detalhe valorizado por uma ilu­minação cênica do DJ RICO GARCIA, que também fez o fundo musical. Mas, vale fri-sar que a decoração estava belíssima e de acordo para um almoço, o que é fundamental.
ELEGÂNCIA DAS CONVIDADAS – Sempre digo que qualquer festa depende da elegância dos convidados para ter aquele UP que empolga e gera o chamado ti-ti-ti. Em festas de JG, todo mundo sabe, elas se esmeram e, como disse o coiffeur Francisco Guasti, “adoro porque às 7 da matina abro minha agenda de trabalho”. E lá estavam elas, cada uma no seu melhor, indiferente às grifes que vestiam. Um desfile de charme, beleza e elegância que em nos­sos eventos é sempre o que faz a diferença.
O BUFFET DO CCVV – Não sou modesto em afirmar que tenho feeling e sei quando alguém chega no mercado para ser reconhecido. E no ramo de buffet temos muitos com qualidade e que não devem nada a nenhum outro do País. No caso do CENTRO DE CONVENÇÕES DE VILA VELHA, sempre me surpreendo quando realizo ali o nosso almoço. Vejo o carinho, a preocupação e o profissionalismo aflorarem da maneira mais séria e generosa para que a cada ano o atendimento seja su­perado. E conseguem! Não estou pagando o evento com palavras, isso faço por mere­cimento e quem lá esteve sabe que naquele dia a comida impressionou até os mais exi­gentes paladares.
ARIANE OLIVEIRA e sua equipe, a chef Giovana Moyzes, que hoje posso considerar uma das melhores do Estado, e o chef Victor Salles, extrapolam na produção e no sabor de cada prato. Impossível dizer o que estava melhor, mas ouvimos elogios unânimes ao Arroz Árabe com Amêndoas e Cebolas Caramelizadas, à Salada Árabe e ao Bacalhau Espiritual. Mas, como esquecer o charme das entradas? Tudo foi perfeito e só temos a agradecer a Ariane, Giovana, Victor, Caio e toda a equipe CCVV. As fotos falam mais.
BOLO E DOCES – A ideia do bolo era incluir borboletas e tuli­pas numa base com transparência, mas isso também teve de ser mudado, uma vez que os caminhões de flores não chegavam a Vitória. Mas, REGINA MEYNARD, a nossa Queen Cake, obedeceu à sua intuição e trabalhou com tulipas pintadas à mão e na parte trans­parente outros tipos de flores naturais. Eram dela também algumas tortas doces.
NAJLA CARONE arrasou numa torta in­ventada por mim – com Quindão e Bolo de Chocolate juntos – e na Torta de Morangos com Merengue. LUCIANE SERRANO fez os Manjares de Coco que só ela sabe fazer tão deliciosos.
Mas, não parava por aí. Tinha a Mousse Cro­cante de Chocolate assinada pelo CCVV, que a chef GIOVANA MOYZES decorou com flores comestíveis e batizou como “Jardim de JG” e explicou: “Não existe o Jardim de Monet? En­tão, esse é o seu jardim!” E lindo! Obrigado! Obrigado! Obrigado! Carinho assim a gente nunca pode esquecer. E ainda teve Pavlova de Frutas, também do CCVV.
AGRADECIMENTOS – Além de agradecer os inú-meros presentes que re­cebemos, deixamos aqui registrado também nosso obrigado àqueles que parti-ciparam de listas na SHEILA SILVA PRESENTES, REGINA PAGANI e com SONINHA SAADI BARROS. E, lógico, a todos envolvidos na pro­dução do evento, OCTAVIO BASTOS, à querida VIVI ANSELMÉ, sempre nos prestigiando e gravando para o seu programa Acon­tece, de colunismo eletrôni­co e o único que realmente tem audiência neste Estado. Ao nosso parceiro fotógrafo ARNALDO PERUZO.



« VOLTAR

Deixe seu comentário